Variedades Poema
31/07/2020 Edward Guimarães Edição 3927 A MENINA E A DESCOBERTA DA COR E DO NOME DA FELICIDADE
F/ ENMBG
"Lá em casa, agora, a felicidade tem cor e nome "

Por Edward Guimarães

Sempre tive muitas interrogações
Entre elas, uma hoje se desfez
A respeito da cor e do nome da felicidade
Dúvidas? Não as tenho mais
E, publicamente, posso confessar
Este inusitado segredo a mim revelado.

Tudo aconteceu tão de repente
Durante inesquecível contemplação
Repleta de beleza, leveza e graça
Gratuitamente a mim ofertada
Na alegria infinita da menina
Desnudada, sem qualquer pudor
Já no primeiro encontro-olhar.

Por causa do prazer em mim provocado,
Demorei nos dois meus olhos, coração e tudo
E descobri com a certeza de quem ama
Lá em casa, agora, a felicidade tem cor e nome
A sua cor, ainda que filhote, é marrom
E seu nome, tirado da Bíblia, é meigo e doce:
A felicidade filhote da menina se chama Caleb.

Belo Horizonte, 31/07/2020
Para Maria Fernanda e o seu já amado Caleb!

Compartilhe este artigo:
Nome:
E-mail:
E-mail do amigo:
DEIXE UM COMENTÁRIO
TAGS
ÚLTIMAS NOTÍCIAS