Roteiros Pastorais Leitura Orante
16/02/2020 Denilson Mariano da Silva Edição 3920 “Vocês são o sal da terra e a luz do mundo.” (Mt 5,13-14)
F/ Portal Kairos
"Que o Senhor confirme a obra de nossas mãos agora e para sempre"

 

  1. Situando o texto.

Jesus é o missionário do Pai. Ele não atuava apenas na sinagoga ou no Templo. Sua ação missionária era nas ruas, nas vilas, à beira do lago. Sua missão era no mundo. Não apenas rezava, abria os olhos aos cegos, curava os doentes, endireitava os encurvados, saciava os famintos, libertava os cativos. Jesus sabia conjugar oração e ação, fé em Deus e compromisso com os irmãos. Sua missão era realizada conjuntamente com seus discípulos, os continuadores de Sua missão no mundo. Hoje, somos nós os discípulos e discípulas do Senhor, também continuadores de sua missão no mundo. Vamos, com calma e atenção, ouvir o que o Senhor vem nos falar.

Cantando: Ó luz do Senhor, que vem sobre a Terra, inunda meu ser, permanece em nós! (bis)

 

  1. O que o texto diz em si.

Ler na Bíblia: Mateus 5,13-16.

Chave de Leitura:

  1. Com que Jesus compara os seus seguidores?
  2. O que acontece se o sal perde o sabor?
  3. Por que a luz deve brilhar diante dos homens?
  4. O que este texto diz para nós, hoje?

 

  1. O que o texto diz para nós.

- Jesus deixa claro que a missão não se reduz às questões espirituais e religiosas. A missão é transformar o mundo: “ser sal da terra e luz do mundo” (Mt 5,13-14) Não basta ser sal e luz apenas na comunidade. Se o sal não sai do saleiro, não tempera a comida. Se a luz fica escondida, não vence a escuridão. É também neste sentido que o texto chama a atenção para o sal que perde o sabor, seria como o cristão só de nome, foi batizado, mas não age como cristão no mundo. Neste sentido, para nada serve. Da mesma forma a luz que fica escondida, simboliza as pessoas que se omitem, que não assumem o seu lugar na Igreja e na sociedade. O grande desejo do Senhor é que possamos ser luz que brilha diante dos homens (Mt 5, 16).

Cantando: O sal e a luz sou eu, sou o povo do Senhor (bis).

- A missão no mundo de hoje, se torna cada vez mais desafiante. A Igreja do Brasil, através da CNBB – Conferência Nacional dos Bispos do Brasil –, quer iluminar a nossa missão na Igreja e no mundo. Ela nos orienta por meio das Diretrizes Gerais de Ação Evangelizadora (DGAE). Essas diretrizes se destinam a orientar todos os grupos, pastorais, movimentos e atividades da Igreja. Por isso, precisamos conhecê-la para que elas possam nos ajudar na nossa missão de ser sal da terra e luz do mundo. Quem não se esforça para caminhar com a Igreja, acaba perdendo o sabor do Evangelho e enfraquecendo sua capacidade de iluminar.

Cantando: O sal e a luz sou eu, sou o povo do Senhor (bis).

 

  1. O que o texto nos faz dizer a Deus?
  2. a) Senhor, ajudai-nos a ser uma presença viva do Evangelho em todos os ambientes de nossa sociedade, rezemos:

Todos: Senhor, fazei-nos sal da terra e luz do mundo.

  1. b) Senhor, ajudai-nos a vivenciar as alegria do Evangelho diante dos mais pobres e sofredores por meio de ações misericordiosas, rezemos.
  2. c) Senhor, que as Diretrizes de nossa Igreja sejam abraçadas por todos os grupos, pastorais e movimentos, rezemos.

(Outras preces espontâneas e Pai-Nosso)

 

  1. O que o texto nos sugere para nossos dias?

Estamos sendo sal e luz do mundo ou perdendo o sabor da missão que o Senhor nos confiou? Em que podemos avançar?

 

  1. Tarefa Concreta

Procurar conhecer o Documento 109 da CNBB: Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja do Brasil,2019-2023.

 

Encerramento: Bênção Irlandesa

Bênção final para todos os dias:

O Senhor nos abençoe e nos guarde!

O Senhor faça brilhar sobre nós a sua face e nos seja favorável!

O Senhor dirija para nós o seu rosto e nos dê a paz!

Que o Senhor confirme a obra de nossas mãos agora e para sempre. Amém!

Abençoe-nos o Deus todo-poderoso, Pai, Filho e Espírito Santo. Amém!

 

Compartilhe este artigo:
Nome:
E-mail:
E-mail do amigo:
DEIXE UM COMENTÁRIO
TAGS
ÚLTIMAS NOTÍCIAS