0800 940 2377 - (31) 3490 3100 - (31) 3439 8000 assinaturas@olutador.org.br
A tentação da Igreja Participação ativa Um porto seguro para casais, sacerdotes e religiosos(as) Chamados para uma missão Comitê de Bacia investe em saneamento

A tentação da Igreja

Carlos Scheid

Uma rápida varredura na História da Igreja permite identificar a tentação permanente que ronda o “pessoal da Igreja” – expressão de Jacques Maritain – quando a missão parece difícil, as barreiras se multiplicam e a solução aparente est…

Leia Mais

Participação ativa

Um dos princípios orientadores da reforma litúrgica do Concílio Vaticano II foi o da “participação ativa”, como lemos no número 14 da Constituição Conciliar Sacrosanctum Concilium [SC]: “É desejo ardente na mãe Igreja que todos os fiéis cheguem à…

Leia Mais

Um porto seguro para casais, sacerdotes e religiosos(as)

O EMM nos dá um presente, que é viver o FDS, um verdadeiro encontro consigo, com o outro e com Deus, que nos mostra o caminho para a conversão com mudanças de atitudes, a escuta com o coração e com a decisão de amar sempre. Isto tem sido um porto seg…

Leia Mais

Chamados para uma missão

João da Silva Resende, SDN*

 

“Eu te segurei pela mão, te formei e te destinei para unir meu povo e ser luz das nações. Para abrir os olhos aos cegos, tirar do cárcere os prisioneiros e da prisão os que moram nas trevas.” (Is 42,6-7.) Assim …

Leia Mais

Comitê de Bacia investe em saneamento

CBH-Manhuaçu conclui 16 Planos Municipais e agora acompanha sua implantação.

Passam-se os anos, trocam-se governos, novas políticas públicas são anunciadas e o saneamento básico segue um descalabro no Brasil. Embora seja um direito previsto na Const…

Leia Mais

Cooperação mútua

ADCE Minas Gerais e o Instituto Ester Assumpção assinam convênio de cooperação mútua.

Wesley Figueiredo*

 

Objetivo é a inclusão no mercado de trabalho de pessoas com deficiência e a assinatura do convênio ocorreu em fevereiro na sede da ADCE MG.

A Associação de Dirigentes Cristãos de Empresa (ADCE Minas Gerais) e o Instituto Ester Assumpção, assinam convênio de cooperação mútua com o objetivo de desenvolver atividades para a inclusão produtiva de pessoas com deficiência em empresas que buscam cumprir a legislação de cotas vigente, bem como, promover ações em conjunto de responsabilidade social empresarial.

O Instituto Ester Assumpção é uma organização de sociedade civil sem fins lucrativos, fundada em 1987, com atuação e foco na inclusão da pessoa com deficiência. Visando fortalecer o compromisso social das organizações, a entidade promove ações que proporcionam a construção de um ambiente favorável à contratação e retenção de trabalhadores com deficiência e/ou reabilitados pelo INSS, bem como ações para que as pessoas com deficiência possam alcançar a autossuficiência e a participação plena como cidadão, compreendida como o acesso a todos os bens e serviços da sociedade.

Para o presidente da ADCE Minas Gerais, Sérgio Frade, as empresas que adotam a Responsabilidade Social Empresarial como inspiração, assumem uma posição fundamental de apoiar e contribuir para a construção de uma sociedade mais humana, justa e socialmente responsável.

 “Buscamos com o convênio, incentivar as empresas e empresários associados, a avaliarem a possibilidade de contratarem trabalhadores com deficiência, independente da obrigatoriedade legal, como um exemplo de responsabilidade social empresarial”, afirma. “O convênio com o Instituto Ester Assumpção facilitará o acesso e meios necessários para as contratações”, complementa.

O Instituto irá disponibilizar às empresas associadas à ADCE, o portfólio de serviços e ações desenvolvidas pela entidade para a inclusão dessas pessoas no mercado de trabalho; o desenvolvimento e aplicação do IMGI – Índice de Maturidade em Gestão Inclusiva, que é uma ferramenta de gestão própria do Instituto que proporciona a realização de um diagnóstico inclusivo sobre a situação da empresa; equipe técnica para realização de palestras, reuniões ou encontros nas empresas mediante condições de negociação diferenciadas.

Para o Superintendente do Instituto Ester Assumpção, Oswaldo Ferreira Barbosa Junior, o convênio com a ADCE Minas Gerais, possibilitará a aproximação e a sensibilização dos dirigentes de empresas com a causa da inclusão social.

“Pretendemos reunir com os dirigentes para tirar dúvidas e mostrar os exemplos bem sucedidos. Com o apoio deles, a chance de êxito das ações inclusivas nas empresas terão maior probabilidade de sucesso, já que é comum nas empresas, que projetos inclusivos como esse, tenham o envolvimento apenas do setor de Recursos Humanos”, explica Oswaldo.

A Lei nº 8.213, de julho de 1991, também conhecida como Lei de Cotas, exige que toda empresa de grande porte – com cem ou mais empregados – deva preencher de 2% a 5% dos seus cargos, com beneficiários reabilitados ou pessoas com deficiência.

Participaram do ato de assinatura do convênio, o presidente da ADCE Minas, Sérgio Frade e os diretores Adriano Sampaio e Lúcio Flávio Machado. Oswaldo Ferreira Barbosa Júnior representou o Instituto Ester Assumpção.

 

* Assessoria de Imprensa (31) 3211.7532 | (31) 9147.8152

F/ Wagner Diló Costa

 

Deixe uma resposta